12/09/2009

Desperta amor


Na madrugada tu dormes...
O sono dos anjos, seu semblante!
Em paz... Parece feliz.
Fico a olhar... Na esperança que
Minha alma toque a sua...
E perceba que estou aqui ao seu lado.
Aguardo o momento! De seu aconchego,
Para sentir um pouco do seu calor...
Mas Dormes! E não vês que te acaricio,
Que me delicio a deslizar meus dedos,
Neste corpo aveludado... Contorno
Seus lábios devagar... Afago seus cabelos.
Espero teu despertar! Talvez um dia...
O mesmo anjo que embala seu sono!
Toques no teu coração... Despertai!
Para o nosso amor! E acenda o fogo
Desta paixão adormecida.

2 comentários:

Carlos Sousa disse...

Simplesmente maravilhoso!!!!!!!!!
Lindo!!!!!!!!!!!!!
Pudera eu ser o ser que de tais carícias é merecedor!

Lice Soares disse...

Belíssimo, poeta. Parabéns.
Bjs.